Please reload

Posts Recentes

Pert substitui PRT, lançado também este ano, e apresenta outras facilidades ao contribuinte
O governo federal instituiu, em junho, o Programa Especial...

Governo cria novo programa de regularização de dívidas

June 14, 2017

1/1
Please reload

Posts Em Destaque

Receita define tributação de rendimentos de investidor-anjo

August 7, 2017

Quanto mais longo o prazo de participação, menor a alíquota do imposto de renda retido na fonte
Com a publicação da Instrução Normativa (IN) nº 1.719/17, dia 21, a Receita Federal regulamentou a tributação aplicável aos rendimentos obtidos nos aportes de capital feitos por investidores-anjo para aumentar a produtividade ou estimular a inovação em micro e pequenas empresas (MPEs).
Segundo a IN, rendimento é tanto a remuneração periódica referente aos resultados distribuídos pela MPE como o lucro obtido no resgate do investimento feito. Esses ganhos terão o Imposto de Renda Retido na Fonte (IRRF) calculado por alíquotas que diminuem conforme o prazo dos contratos de participação aumenta. Ela será de 22,5% para contratos com duração de até 180 dias; de 20% para os de 181 a 360 dias; de 17,5% para os de 361 até 720 dias; e de 15% para os com prazo maior que 720 dias.
Se o investidor for pessoa física ou empresa isenta ou optante pelo Simples Nacional, o IRRF será considerado definitivo. No caso de pessoas jurídicas tributadas pelo lucro presumido, real ou arbitrado, a retenção será considerada antecipação do imposto devido.
O imposto retido deve ser recolhido até o terceiro dia útil seguinte ao decêndio em que os rendimentos foram recebidos.
 

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

Siga

I'm busy working on my blog posts. Watch this space!

Please reload

Procurar por tags
Please reload

Arquivo
  • Facebook Basic Square
  • Twitter Basic Square
  • Google+ Basic Square

Rua Vergueiro, 2.720 - 6º andar | São Paulo - SP | CEP 04101-200   

Av. Princesa Isabel, 320 - 4º andar | Rio de Janeiro - RJ | CEP 22011-010